Representantes Sindicais definem mobilização contra as reformas de Temer

O SINDIÁGUA reuniu seus Representantes Sindicais nesta quarta-feira (19) para debater as mobilizações contra as reformas do governo de Michel Temer (PMDB).

Foi deliberado que os trabalhadores e as trabalhadoras participarão, no próximo dia 28, das mobilizações que buscam barrar as reformas da Previdência e Trabalhista, e a terceirização irrestrita proposta pelo governo impopular de Temer. A participação se dará durante duas horas as quais os trabalhadores têm direito para realizarem suas reuniões de base.

Sendo assim, no dia 28, os trabalhadores e trabalhadoras irão usufruir esse tempo para – em conjunto com as demais entidades sociais de sua cidade – manifestarem-se contra o intento de Temer. Com essa decisão dos Representantes, conforme acertado com a Companhia, ficou definido que será feita a compensação do dia 15 de março, data em que em que a Corsan parou em prol dos trabalhadores brasileiros.

Campanha Salarial
A primeira reunião de negociação referente a Campanha Salarial 2017/2018, realizada no dia 18 de abril, também foi pauta da reunião. A Direção Sindical detalhou a reunião inicial e observou que a negociação será árdua e que possíveis enfrentamentos serão inevitáveis para a manutenção de direitos e avanços no Acordo Coletivo de Trabalho.

Na oportunidade, a Comissão de Negociação – eleita em Assembleia Geral – também deu seu relato sobre o início das negociações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 20 =