Campanha Salarial: rol de reivindicações é aprovado

Foi aprovado nesta sexta-feira (9), em Assembleia Geral, o rol de reivindicações da Campanha Salarial 2018/2019.

Durante toda a manhã, os trabalhadores e as trabalhadoras sugeriram alterações no Acordo Coletivo de Trabalho vigente, assim como a redação de novas cláusulas a serem conquistadas junto à Corsan.

A partir de agora, a Assessoria Jurídica do Sindicato construirá os textos que irão estar presentes no rol a ser entregue à Companhia.

Os trabalhadores também elegeram os colegas que irão integrar a Comissão de Negociação, que em conjunto com o SINDIÁGUA, participará das reuniões de negociação com a Corsan.

A Assembleia foi realizada no Centro de Eventos Casa do Gaúcho, em Porto Alegre.

Os destaques da Campanha Salarial 2018/2019

– Nenhum direito a menos!
– Manutenção da Corsan pública
– Luta contra as PPPs
– Concurso Público Já!
– Luta contra as terceirizações
– Ganho Real
– Retorno do PDV

Ato na Esquina Democrática
Após as deliberações da Assembleia, foi realizada uma caminhada de divulgação do Fórum Alternativo Mundial da Água (FAMA) 2018. A mobilização percorreu as ruas centrais de Porto Alegre e foi finalizada com um ato público na Esquina Democrática.

Durante o trajeto, representantes do SINDIÁGUA, do Movimento dos Pequenos Agricultores e da CUT-RS alertaram a população sobre os ricos da privatização do saneamento, onde o caráter social do setor é ignorado em troca do lucro. A caminhada também ressaltou a intenção de o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Jr. (PSDB), em privatizar e realizar Parcerias Público-Privadas (PPPs) no Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae).

Ainda sobre o tema das PPPs, o SINDIÁGUA demonstrou sua contrariedade com a intenção da atual diretoria da Corsan em realizar tais parcerias na Região Metropolitana da Capital. Para o Sindicato, as PPPs são uma forma de privatização.

Na Esquina Democrática, onde a caminhada foi finalizada, as entidades reafirmaram o compromisso de lutar contra a privatização do saneamento. Por fim, elas ratificaram que a água é um bem da humanidade e que não deve ser tratada como um bem privado a ser usado para ter lucro.

Sobre o FAMA 2018
O Fórum Alternativo Mundial da Água (FAMA 2018) acontecerá entre os dias 17 e 22 de março de 2018, em Brasília – DF. É um evento internacional, democrático e que pretende reunir mundialmente organizações e movimentos sociais que lutam em defesa da água como direito elementar à vida.

Este Fórum pretende unificar a luta contra a tentativa das grandes corporações em transformar a água em uma mercadoria, privatizando as reservas e fontes naturais de água. tentando transformar este direito em um recurso inalcançável para muitas populações, que, com isso, sofrem exclusão social, pobreza e se vêm envolvidas em conflitos e guerras de todo o tipo.

Várias entidades brasileiras e internacionais se reuniram e decidiram impulsionar este evento, como continuidade de Fóruns Alternativos anteriores, como os realizados em Daegu, na  Coreia do Sul, e em Marselha, na França.
Este  Fórum  se  contrapõe ao  autodenominado “Fórum Mundial da Água” que é um encontro promovido pelos grandes grupos econômicos que defendem a privatização das fontes naturais e dos serviços públicos de água. Para os organizadores do  “Fórum Alternativo – FAMA2018”,  as políticas públicas de água devem ser debatidas democraticamente com as populações e, em particular, com as comunidades afetadas.

No FAMA 2018 serão debatidos os temas centrais de defesa pública e controle social das fontes de  água, o acesso democrático à água, a luta contra as privatizações dos mananciais, as barragens e em defesa dos povos atingidos, serviços  públicos de água e saneamento e as políticas  públicas necessárias para o controle social do uso da água e preservação ambiental, que garanta o ciclo natural da água em todo o planeta.

Assembleia Geral - 09 de março de 2018

Caminhada de divulgação do FAMA 2018 - 9 de março de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − oito =