Ato contra as PPPs reúne milhares de trabalhadores em frente ao Palácio Piratini

Ao término de nossa Assembleia Geral, ocorrida nesta terça-feira (18), milhares de trabalhadores realizaram uma caminhada pelas ruas centrais de Porto Alegre que culminou com um grande ato público em frente ao Palácio Piratini. A mobilização teve como objetivo alertar a sociedade gaúcha e o Governo Estadual sobre os malefícios da implantação das Parcerias Público-Privadas no saneamento.

Nossa finalidade era dar o recado ao governador que não aceitaremos que a iniciativa privada venha lucrar as custas do nosso trabalho e do dinheiro público disponível para o saneamento. E este recado foi dado, e diga-se de passagem, muito bem dado.

Claudir Nespolo, presidente da CUT/RS, participou do ato

Gostaríamos aqui de parabenizar os colegas que se fizeram presentes a este ato. Entenderam perfeitamente o perigo que corre tanto o saneamento no RS, quanto o nosso emprego. Cada trabalhador que lá esteve, participou de um lindo ato de democracia.

A presidenta do, CPERS, Rejane de Oliveira também se manifestou

Durante nossa manifestação, uma pequena comissão foi chamada ao Palácio para conversar. Segundo a Assessoria do Governador, eles só farão a PPP do saneamento se isto não prejudicar a Corsan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − dois =