Batalhas próximas

Foi aprovado ontem à noite na Assembleia Legislativa do Estado, a proposta de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) apresentada pelo governador Sartori. O projeto define as orientações para a elaboração do orçamento do Estado para 2016. Dentre vários pontos, a proposta determina que os gastos com pessoal no próximo ano não poderão crescer mais de 3% em relação a 2015.

Ou seja, nada mais que o crescimento vegetativo da folha, o que representará o engessamento das categorias de servidores públicos do Estado (da administração direta e indireta) e um arrocho salarial sem precedentes nos últimos anos.

Durante nossa Campanha Salarial, alertamos aos trabalhadores que o embate com o atual governo do Estado seria ferrenho. Com muito esforço e mobilização fechamos um Acordo Coletivo alcançado o INPC (8,34%) e a renovação total das demais cláusulas. Sem dúvida nenhuma uma grande conquista dos trabalhadores devido ao cenário atual.

Não bastasse a ameaça cada vez mais próxima da privatização e das PPPs, o governo do Estado dá as cartas e mostra que vai combater a propagada crise lesando os servidores públicos.As lutas que teremos pela frente serão duras e colocarão a prova nosso poder de união e mobilização.

Que a nossa preparação tenha início agora.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + 14 =