Corsan posterga IPO

Na tarde desta terça-feira (25), a Companhia Riograndense de Saneamento comunicou aos clientes, acionistas e mercado financeiro através de Fato Relevante, o adiamento da realização da Oferta pública (IPO). A decisão deu-se por parte do Governo do Estado, pois o IPO ainda não atende as determinações da Resolução da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Os termos do contrato foram decisivos para o governo, o que acabou gerando falta de interesse do mercado e adiando a tentativa de privatização.

Uma pequena vitória dos trabalhadores e trabalhadoras, ressalta o Presidente do Sindiágua/RS Arilson Wünsch, segundo o dirigente a luta dos trabalhadores precisa continuar. “Vamos colocar em xeque as assinaturas dos novos contratos de programa, e também fazer as 74 ações, além de continuarmos alimentando o Tribunal de Contas do Estado (TCE) com argumentos contra a entrega do patrimônio público, bem como a CVM”, ressalta.

O presidente, salienta a importância de ofensivas na mídia para que a população conheça o que realmente está inserido nessa privatização. “Jamais desistiremos do nosso objetivo, conclamamos a categoria se manter no FOCO e seguirmos firmes nessa luta que ainda está longe de terminar”, conclui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 2 =