Dia Nacional de Luta contra a Exposição ao Benzeno

O dia 5 de outubro tornou-se, em todo o país, o Dia Nacional de Luta Contra a Exposição ao Benzeno. A data é também uma homenagem a Roberto Krappa, técnico de operações da Refinaria Presidente Bernardes (RPBC), em Cubatão (SP), onde atuou por onze anos. Kapra faleceu de leucemia mieloide aguda em decorrência da alta exposição à substância

A data ressalta a importância de conscientizar os trabalhadores e as trabalhadoras sobre os riscos do contato com esse agente cancerígeno.

Esta substância é muito utilizada na cadeia de extração e refino do petróleo, em laboratórios químicos e como matéria-prima nas indústrias petroquímicas, o benzeno é um composto incolor e de aroma adocicado, que evapora rapidamente quando entra em contato com o ar.

O Ministério da Saúde alerta que a contaminação pode ser por meio do ar, do solo e da água. Em veículos automotivos, a substância é lançada para a atmosfera no momento de combustão da gasolina.

O SINDIÁGUA/RS reafirma seu compromisso em orientar os trabalhadores(as) sobre os riscos relacionados à exposição ao benzeno. O dia de hoje também foi marcado por atividades de conscientização sobre este produto que não possui limite de tolerância. As atividades foram realizadas na SITEL – CORSAN -SISTEMA INTEGRADO DE TRATAMENTO DE EFLUENTES LÍQUIDOS DO PÓLO PETROQUÍMICO.

BOLETIM BENZENO

https://wordpress-direta.s3.sa-east-1.amazonaws.com/sites/1204/wp-content/uploads/2022/10/05151638/boletim-_benzeno.pdf

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 9 =